Macarrão colorido

Macarrão colorido

Não sabe como fazer a criançada se alimentar durante as refeições? Aposte no macarrão colorido para atiçar a curiosidade!

A pesquisadora Neide Rigo desenvolveu pratos que certamente vão deixar a mesa cheia de cor e personalidade. E, mais do que isso, são, sobretudo, muito saborosos! Então anota aí a receita!

(1) Antes de tudo, prepare uma receita de leite azul:

Ingredientes:

– ¼ de um jenipapo verde

– 1 xícara (chá) de leite

Preparo:

– Bata no liquidificador o jenipapo sem pele (mas com sementes) com o leite e triture bem;

– Logo depois, coe e leve ao fogo para ferver, até ficar azul. Em seguida, deixe esfriar.

(2) prepare o Macarrão colorido

Ingredientes:

– 1 receita de leite azul 250ml

– 200 g de farinha de trigo branca

– 2 claras de ovo

– 4 xícaras de folhas picadas grosseiramente (ou de rabanete, nabo ou mostarda)

– 2 dentes de alho picados

– 4 colheres (sopa) de azeite

– sal e pimenta calabresa a gosto

Preparo:

– Em primeiro lugar, no processador, coloque a farinha, as claras e 1 colher (chá) de sal;

– Logo depois, bata bem e vá juntando aos poucos o leite azul, até formar uma massa bem densa;

– Em seguida, guarde a massa dentro de um saco plástico e espere meia hora – Abra a massa na máquina de macarrão e faça espaguetes;

– Logo após, coloque para ferver 3 litros de água com ½ colher (sopa) de sal. Em seguida, quando ferver, coloque o macarrão e as folhas. Cozinhe por cerca de 3 minutos para que fique macio. Logo depois, escorra e reserve;

– Por fim, frite o alho no azeite, junte o macarrão com as folhas e misture. Enfim, espalhe pimenta calabresa por cima e sirva quente.


Receita: Neide Rigo (@neiderigo)/Revista Marie Claire (@marieclairebr)

Foto: Elisa Corrêa

Post anterior: Bar da Dona Onça

Website | + posts

Criadora e redatora do Mulheres na Gastronomia! Sou estudante do terceiro ano de jornalismo da Faculdade Cásper Líbero, em São Paulo. Embora não tenha muito sucesso em minhas experiências dentro da cozinha, tenho uma paixão imensa por saborear os melhores pratos e contar histórias. Então, nada melhor do que juntar essas paixões em um mesmo lugar, trazendo pautas diferentes e interessantes, sempre com muita diversidade e diálogo.



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *